Os “talvez”

Resultado de imagem para diário tumblr

Talvez eu não devesse estar aqui, talvez eu não deveria ter nascido, talvez eu devesse por um fim nesse sofrimento, talvez eu não devesse ser assim, talvez eu devesse ser bonita, talvez o problema esteja em mim, talvez eu deva me suicidar, talvez eu devesse desistir, talvez eu devesse sumir, talvez eu devesse largar tudo, talvez fugir de casa, talvez eu devesse desabafar com alguém, talvez eu devesse ser mais interessante para me ouvirem, talvez eu devesse ser menos eu, talvez eu devesse ser mais como as outras pessoas, talvez, talvez, talvez…

Aaah, chega! Eu não aguento mais, é o fim! Eu sou fraca, inútil, não consigo fazer isso. Meus braços estão ensanguentados, as lâminas estão na minha frente, preciso só de cortes mais fundos sobre as veias, só preciso sangrar até a morte.

Eu estou sozinha, sem ninguém, fracassada, humilhada, iludida, odiada…

Não tenho amigos, todos são falsos, quando eu preciso me abandonam, mas quando eles precisam, eu sempre estou aqui.

Sou trouxa, otária, um fracasso, um lixo.. Sou fraca….

Fim!

Eu escrevi esse “texto” porque eu percebi uma coisa sobre algumas coisas que podem ou não acontecer.

Os talvez da nossa vida, podem nos atrapalhar em muitas coisas. No caso do texto eu fiz um relato suicida que os talvez fizeram. Podemos dizer “talvez eu vire uma atriz”, mas ao invés de usarmos “talvez” como resposta para tudo, podemos dar uma resposta mais firme, como “Eu vou ser uma atriz”, “eu não vou ser uma atriz”.

Para começar, não podemos deixar que os “talvez” da nossa vida nos atrapalhe em algo, seu sonho só pode ser realizado por você, mas pra isso você tem que querer, vai ser difícil no inicio, mas vai valer a pena como eu disse no post Sonhos.

Nunca deixe que os talvez lhe atrapalhe, porque para que seus sonhos, metas e vontades sejam realizadas, dependem apenas de você. Mesmo que o mundo fique contra você, fique contra o mundo para tornar seus sonhos reais.

17 comments

Add Yours
  1. Beatriz Ribeiro

    Realmente alguns talvez nas nossas vidas pode levar a alguns acontecimentos e infelizmente muitos deles ruins, por isso devemos sempre prestar atenção em nós e também no próximo.

    Curtido por 1 pessoa

  2. Débora Morais

    Nossa, eu estava assim mesma no primeiro semestre do ano e percebi que por mais que eu vivesse cercada de pessoas que eu considerava amigas, apenas 1 não me abandonou quando eu estava à beira do abismo, e achei isso bastante intrigante, porque sempre fui muito seletiva com as pessoas e escolhia a dedo as pessoas que eu achava que fariam de tudo por mim assim como eu faria por elas, e não foi bem isso que aconteceu… Percebi que quando você fica vulnerável as pessoas não perdem tempo para fazerem críticas sem ao menos saber o que de fato você sente e o que te deixou depressiva, as pessoas sempre te julgam e descobrem mil defeitos em você e tentam te mudar a qualquer custo… Mas o mais surpreendente, é que quem te ajuda e quer o seu bem nessas situações, são pessoas que você jamais imaginaria e que parecem ter o mínimo de intimidade possível, e acho que foi nesse último semestre que percebi o valor delas e o quanto eu estava fechada em meu próprio mundo.

    Curtido por 1 pessoa

    • Júlia Pereira

      Primeiramente eu queria pedir desculpa pela demora para lhe responder. Eu li seu comentário infinitas vezes, mas tinha medo de responder, eu fiquei com medo de não lhe dar uma boa resposta, de não saber o que te responder.
      Seu comentário mexeu muito comigo, porque eu sei exatamente o que você sentiu nesse momento, porém eu não soube me expressar para te responder.
      Por mais que eu esteja cercada de pessoas, eu me sinto sozinha, porque por mais cercada que eu esteja, essas pessoas não se importam de verdade. amiga de verdade, eu só tenho duas, minha mãe e uma menina que parece ser minha irmã. Antes que achava que por mais que eu tivesse vários “amigos”, todos ficariam comigo. Mas enfim, nenhum deles ficaram, ainda mais quando eu estava na pior, apenas minha amiga e minha mãe estavam aqui por mim e pra mim.
      Quanto mais vulnerável você estiver e demonstrar, mais as pessoas vão te rebaixar, apenas para se sentirem superior.
      Quem é verdadeiro, jamais mudará você, vai tentar te ajudar e nunca irá te abandonar.
      Gostei muito que você tenha se aberto, principalmente por ser publicamente, caso queira conversar, estarei aqui. Não nos conhecemos, mas talvez eu possa lhe aconselhar. Beijo! ❤

      Curtido por 1 pessoa

  3. Patricia Monteiro

    A incerteza que os talvez geram não pode nos dominar, é preciso ter firmeza e coragem para correr atrás dos próprios sonhos. Adorei o texto, nos faz refletir sobre os caminhos que se abrem em nossas vidas, sobre as oportunidades que não não podemos desperdiçar pensando nos talvez.

    Curtido por 1 pessoa

    • Júlia Pereira

      Realmente, serve para vermos chances que perdemos e não voltam mais. Deveríamos nos arriscar mais, mas talvez o medo de fracassar nos impeça. Devemos perder o medo e tentar, melhor se arrepender de fazer, do que se arrepender de nunca termos feito. Beijos!

      Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s